NOTÍCIAS
 


Censo Previdenciário: prazo termina dia 7 e 320 mil ainda não atualizaram os dados

01/08/2006 Mais de 320 mil dos 1, 5 milhão de segurados com benefício de final "3" - convocados pela Previdência Social para responder ao Censo Previdenciário a partir de junho - ainda não atualizaram seus cadastros nas agências bancárias onde recebem seus benefícios. A Previdência alerta que os segurados têm até a próxima segunda-feira (07) para responder ao Censo. Quem deixar o prazo passar será incluído em um edital de convocação e poderá ter o pagamento suspenso. Em São Paulo, 63 mil beneficiários ainda não atualizaram seus dados; em Minas Gerais, esse número chega a 38 mil e no Rio de Janeiro, a 32 mil. Já em Roraima, apenas 332 convocados ainda não se recadastraram. 9,3 milhões de recenseados Dos 17,1 milhões de aposentados e pensionistas que já foram chamados para fazer o Censo, 9,3 milhões atualizaram os dados cadastrais até o dia 21 de julho. Dos 2,4 milhões convocados para a primeira fase, 95,8% compareceram e dos 14,7 milhões da segunda, 47,6% já o fizeram. Vale lembrar que a segunda etapa do Censo, que começou em março deste ano, prossegue até julho do ano que vem. Além disso, as convocações acontecem por meio de correspondência escrita. Reconvocação No dia 18 de julho, a Previdência começou a reconvocar os beneficiários chamados para fazer o Censo em abril (final 1) e maio (final 2), por meio de cartas e editais. Dos 2,9 milhões de segurados convocados, 493 mil ainda não atualizaram os dados cadastrais. Após a rechamada, caso o INSS não receba resposta, o benefício será suspenso. Entretanto, os segurados poderão voltar a receber seus proventos depois de atualizar os dados na agência bancária em que o valor é sacado mensalmente.(Infopessoal)





voltar-----home